Notícias
09.Set.2019

Para reduzir gastos, Governo Bolsonaro quer instalar geradoras solares na Esplanada dos Ministérios

Para reduzir gastos, Bolsonaro quer Instalar Usinas Solares na Esplanada dos Ministérios

Segundo presidente, gastos vão cair até 90%. Decisão faz parte de iniciativa governamental de sustentabilidade

35e5b9_c54730fcb6864481bbf3197ed370ae89~

O presidente Jair Bolsonaro revelou em seu perfil no Twitter nesta quinta-feira, 5 de setembro, que o governo está preparando um projeto para reduzir os gastos de energia no setor público. De acordo com ele, a revisão de contratos e a geração de energia solar vão reduzir os custos em até 90%. Ele quer instalar micro usinas fotovoltaicas nos prédios anexos da Esplanada dos Ministérios. "As medidas fazem parte da iniciativa Esplanada Sustentável, que tem como objetivo promover a adoção de modelos de gestão voltados ao uso racional de recursos naturais e à sustentabilidade ambiental e econômica", disse Bolsonaro.

O ministério da Economia vai oferecer um portal, informações gerenciais para readequação contratual, visando a redução de gastos com consumo de energia. Seis órgãos da administração direta iniciaram revisões contratuais, que preveem redução de R$ 2,6 milhões por ano. Com base nessas informações, outros órgãos e instituições públicas federais poderão identificar medidas e acompanhar a implantação das soluções.

O portal vai ter os dados de consumo de todos os órgãos. Já estão em processo de análise as contas de órgãos federais localizados em São Paulo e no Rio de Janeiro, em parceria com os fornecedores de energia Enel Distribuição São Paulo (SP) e Light (RJ).

O projeto conta com parceria do Núcleo de Pesquisa e Desenvolvimento para Excelência e Transformação do setor público, da UnB e da CEB (DF). Desde 2016, o Ministério de Minas e Energia possui um sistema de geração distribuída solar instalado no telhado do seu edifício-sede. O projeto é fruto de um acordo de cooperação técnica entre o MME e a Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica. Por meio da usina, o ministério compensa parte da eletricidade que consome através da sua própria geração. Foram instalados 154 painéis solares e a potência da usina é de 60kWp.

fonte: absolar

 

 

Gostou do assunto? Tem mais dúvidas sobre energia solar? Então, cadastre-se grátis na Energia Solar Shop e esteja sempre por dentro de todos os nossos conteúdos exclusivos.

Acesse - 

www.novaecosolar.com.br

Fonte - Energia Soloar Shop

Comente essa publicação

Clique e Veja seu Projeto